REFLEXSONS


A percepção do amor

Não sei se posso dizer constatação, talvez melhor fosse dizer percepção.
Aqui do alto dos meus tantos e poucos anos fico pensando no que me perpassa. Parece que já não se ama mais como se amava, agora ser fiel, ou buscar a fidelidade no amor, é imaturidade. Ter cuidado se importar e querer proteger o ser amado, é quase prova incontestável de insegurança na relação. Será que estou ficando defasado no amor?
Será que desaprendi amar?
Talvez ainda não esteja acostumado com esse amor contemporâneo que se encontra por entre cliques e se faz por entre as verdades virtuais.
Talvez ainda prefira o amor com nomes, olhares, gostos e sensações mais perceptíveis pelos sentidos, pela alma e pelos sentimentos.
Devo estar ficando cada vez mais out.

# Compartilhar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Blogger Comentário
    Facebook Comentário

0 comentários:

Postar um comentário