REFLEXSONS


Ainda Viver

Um dia o amor
Sem forma, sem rumo 
Sem crise, sem dor:
Só mistério
Muito afim, muito aqui, muito lá,
                                 O fim do tédio


Um dia a dor
Com marca, com medo
Com peso, com sangue:
Só querer
Pouca luz, pouca música, muito pouco
                                O começo do saber


Agora o viver 
 O salto no nada
  A travessia da noite
   O avesso
    O arremesso
     A queda
      A lágrima
       O sobreviver...

# Compartilhar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Blogger Comentário
    Facebook Comentário

0 comentários:

Postar um comentário