REFLEXSONS


Castigo da gota serena !

Pois olhe moça e moço, pelo menos pra vocês eu vou dizer. Não sei se há de ter alguma valia mas, em todo caso vou falar assim mesmo. Veja bem, (puxa, começar com "veja bem", não deve ser grande coisa) estava eu deitado em minha nordestiníssima rede, armada no meu terracinho arejado, com aquela brisa gostosa,  domingo a tarde, depois do almoço e de uma ótima e farta sobremesa (pense como gosto de sobremesa, ainda mais se for com alguma coisa de chocolate), é claro, comecei a cochilar e depois do cochilo vem sempre o sono e dormi. Acordei quase duas horas depois, assustado e com os olhos esbugalhados (essa palavra serve direitinho) como se nunca mais quisesse dormir na vida. Graças a Deus foi sonho, ainda bem que acordei ! 
Agradeço toda vez que me lembro por estar vivo e ter me livrado dessa sina eterna. 
Imagine vocês, que durante meu gostoso sono domingueiro da tarde inventei de sonhar com essa desgraceira que agora vou contar ao moço e a moça que disseram me acompanhar nas leituras. Eita, sinceramente, quando eu começo a falar parece que tem uma matraca, vou desviando do assunto e puxando conversa paralela. Mas agora eu digo: pois olhe, naquela tarde sonhei que era levado às portas do inferno pra dar uma olhadinha assim do alto . Sacou? Assim, como se tivesse uma varandinha onde a gente pudesse dar uma sacada rápida e sair em seguida. A pessoa que me acompanhava (não sei quem era, nem se era homem ou mulher ou anjo, sei lá) avisou que estava de folga e resolveu dar uma chance de mostrar como era lá em baixo pra que eu fosse me prevenindo e avisando aos amigos o que pode acontecer com quem anda fazendo muita besteira por aqui. Um dos castigos pode ser esse que eu estava presenciando e ele (ou ela, sei lá) me disse - Seu moço tome cuidado, avise a quem puder, se conserte enquanto é tempo, pois quanto mais merda fizer por aí pela terra vai pagar aqui em baixo desse jeito: num vai fazer nadinha, vai só ficar num canto condenado a ouvir pela eternidade afora todos os grupos de pagode sem sentido e forró de duplo sentido tocando sem parar e vós (no caso, quem fizer muita merda por aqui) sem poder tapar os ouvidos.Foi aí que começou a me dar uma tremedeira e as pernas quererem correr daquela varanda infernal e comecei a gritar não, não, não...ainda bem que acordei. Vou avisar pra todo mundo ! Ninguem merece uma desgraça dessas. 

# Compartilhar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Blogger Comentário
    Facebook Comentário

0 comentários:

Postar um comentário